Menina é baleada após sair de igreja no Rio de Janeiro

Por: Bruno Tomé Escritor da News365
Pai da menina Ana Clara ficou desolado enquanto a filha passava por cirurgia
Polícia 26Outubro2017 18 h 36min

Garota de 12 anos passou por cirurgia na noite de quarta-feira (25) e estado de saúde é estável

Pai da menina Ana Clara ficou desolado enquanto a filha passava por cirurgia
Pai da menina Ana Clara ficou desolado enquanto a filha passava por cirurgia

Menina é baleada após sair de igreja no Rio de Janeiro

Garota de 12 anos passou por cirurgia na noite de quarta-feira (25) e estado de saúde é estável

Polícia 26Outubro2017 18 h 36min

A violência se torna cada dia mais o maior problema do Rio de Janeiro. Na noite de quarta-feira (25), a menina Ana Clara Barbosa da Silva estava saindo de uma igreja na favela da Rocinha quando foi atingida por uma bala perdida. O projétil atingiu a barriga da criança, que foi socorrido imediatamente. 

Logo após que a garota foi atingida, os pais da criança a levaram para o plantão do Hospital Miguel Couto, na Gávea. Durante a madrugada, a menina teve que passar por uma cirurgia, que foi concluída apenas às 3h. No momento, familiares que acompanham o quadro de saúde da garota garantiram que o estado dela é estável e não corre mais risco de morte. 

Testemunhas que estavam no local garantiram que o tiro saiu de um bandido que tentava assaltar um supermercado. Encapuzado e armado, o homem rendeu os funcionários e fugiu do local. Logo em seguida, um funcionário saiu correndo para ir avisar policiais em uma UPP próxima. Ao perceber a ação, o criminoso atirou contra o homem. No entanto, uma das balas acabou atingindo a garota. sp;

Logo após o ocorrido, moradores locais e frequentadores da igreja estavam indignados. De família evangélica, Ana Clara havia se apresentado naquela noite, grande parte dos familiares estavam lá para prestigiá-la. Para as testemunhas, não há mais segurança no Rio de Janeiro. Conforme entrevistas, os moradores garantiram que algo desse gênero não acontecia antigamente. 

UPP é atacada na Favela da Rocinha

Não bastasse a bala perdida que atingiu a menina de 12 anos, a Unidade de Polícia Pacificado (UPP) da Rocinha foi atacada por traficantes no início da tarde desta quinta-feira (26). Jornalistas que acompanham o cotidiano da comunidade garantem que o clime está tenso no local. 

O tiroteio intenso pegou diversos moradores de surpresa, que correram para se esconderem. Um grupo de traficantes tentou, logo na entrada da favela, atacar o grupo de policiais que cuidava da UPP. Não há informações de feridos ou mortos. A polícia conseguiu prender um dos traficantes que não teve o nome revelado. 

A violência se torna cada dia mais o maior problema do Rio de Janeiro. Na noite de quarta-feira (25), a menina Ana Clara Barbosa da Silva estava saindo de uma igreja na favela da Rocinha quando foi atingida por uma bala perdida. O projétil atingiu a barriga da criança, que foi socorrido imediatamente. 

Logo após que a garota foi atingida, os pais da criança a levaram para o plantão do Hospital Miguel Couto, na Gávea. Durante a madrugada, a menina teve que passar por uma cirurgia, que foi concluída apenas às 3h. No momento, familiares que acompanham o quadro de saúde da garota garantiram que o estado dela é estável e não corre mais risco de morte. 

Testemunhas que estavam no local garantiram que o tiro saiu de um bandido que tentava assaltar um supermercado. Encapuzado e armado, o homem rendeu os funcionários e fugiu do local. Logo em seguida, um funcionário saiu correndo para ir avisar policiais em uma UPP próxima. Ao perceber a ação, o criminoso atirou contra o homem. No entanto, uma das balas acabou atingindo a garota. 

Logo após o ocorrido, moradores locais e frequentadores da igreja estavam indignados. De família evangélica, Ana Clara havia se apresentado naquela noite, grande parte dos familiares estavam lá para prestigiá-la. Para as testemunhas, não há mais segurança no Rio de Janeiro. Conforme entrevistas, os moradores garantiram que algo desse gênero não acontecia antigamente. 


Fontes:




© 2017, News 365 todos os direitos reservados.